A PHP Error was encountered

Severity: Notice

Message: Uninitialized string offset: 0

Filename: controllers/blog.php

Line Number: 113

RINAVE - Registro Internacional Naval

It was held the 54th Session of the Subcommittee on Stability, Load Lines and Fishing Vessels IMO/Realizou-se a 54ª Sessão do Subcomité de Estabilidade, Linhas de Carga e Navios de Pesca da IMO

 

Realizou-se de 16 a 20 de Janeiro a 54ª sessão do Subcomité de Estabilidade, Linhas de Carga e Navios de Pesca (SLF) da IMO. A reunião permitiu obter o acordo sobre diversos tópicos de interesse para o engenheiro naval, nomeadamente linhas orientadoras para a verificação da estabilidade em avaria de navios-tanque, ainda a ser aprovadas pelo Comité de Segurança Marítima. Foram também acordadas emendas à Convenção Internacional das Linhas de Carga (1966) relativas à estabilidade em avaria. Ainda no domínio da estabilidade em avaria, foram desenvolvidas emendas às Linhas orientadoras para o projecto e construção de Navios de Apoio Offshore (MSC.235(82)). 

 

 

Foram também apresentados os progressos efectuados no âmbito da revisão do capítulo II-1 (subdivisão e estabilidade em avaria) da SOLAS, ficando clara a necessidade de serem tidos em conta nesta revisão os resultados de diversos projectos de investigação actualmente em curso: GOLADS, FlOODSTAND, EMSA(2), RP625. O grupo de trabalho sobre subdivisão e estabilidade em avaria (SDS) irá prosseguir o seu trabalho pelo menos até 2013, estando também planeadas emendas à resolução MSC.245(83), relativa aos métodos de cálculo para a avaliação de medidas de contra-alagamento, o desenvolvimento de linhas de orientação para a aprovação de módulos de estabilidade em avaria no âmbito do retorno seguro a porto e a actualização do capítulo II-1 da SOLAS no que se refere à estabilidade em avaria de navios ro-ro de passageiros.

O subcomité decidiu também continuar o trabalho de revisão da Convenção Internacional para a Arqueação de Navios (1969) no sentido de assegurar a uniformidade da sua aplicação, desenvolver interpretações para algumas regras e promover emendas conforme necessário, tarefas estas a cargo de um grupo de trabalho.

Foi também apreciado o relatório do grupo de trabalho sobre critérios de estabilidade intacta de segunda geração, tendo este grupo sido mandatado para prosseguir os seus trabalhos. O objectivo é desenvolver critérios adicionais aos do Código de Estabilidade Intacta (IS2008), baseados no conceito de falha de estabilidade intacta e aplicáveis a todos os navios. Estes critérios deverão seguir uma abordagem baseada no cálculo directo do desempenho do navio utilizando ferramentas de última geração de acordo com princípios científicos. Deverão em particular considerar os diversos mecanismos de soçobramento não-lineares desde há muito conhecidos, mas não explicitamente considerados no código de estabilidade intacta.

Finalmente, estão em curso trabalhos para a inclusão de critérios de estabilidade unificados e linhas orientadoras operacionais na parte B do Código de Estabilidade Intacta, aplicáveis a navios empregues em operações de reboque ou na manobra de âncoras. Estes trabalhos foram propostos pela Noruega na sequência do soçobramento do rebocador e navio abastecimento (AHTS) norueguês Bourbon Dolphin, o qual causou a perda de oito vidas. 

 

Posted in General by 0 on 27 January 2012