A PHP Error was encountered

Severity: Notice

Message: Uninitialized string offset: 0

Filename: controllers/blog.php

Line Number: 113

RINAVE - Registro Internacional Naval

Rinave presente no congresso “Portos e Transportes Marítimos”

Realizou-se no passado dia 21 de Setembro, nas instalações da Feira Internacional de Lisboa, o congresso “Os Portos e os Transportes Marítimos”. Este evento, que contou com mais de mil participantes, entre os quais três delegados da Rinave – Registro Internacional Naval, foi organizado pela Associação Comercial de Lisboa – Câmara de Comércio e Indústria Portuguesa, entre outras organizações, e publicitado pelo Fórum Empresarial da Economia do Mar.

Em debate estiveram as potencialidades dos investimentos no setor marítimo, tendo como ponto de partida o estudo "Hipercluster do Mar", coordenado pelo ex-ministro das Finanças Ernâni Lopes, que pretende alertar os empresários portugueses para a importância do mar, um recurso que tem sido mal utilizado e que é o mais rico da economia portuguesa. O setor dos portos e transportes marítimos, de entre aqueles que se relacionam com o mar, foi escolhido para tema do congresso por ser aquele que, atualmente, mais contribui, em termos de riqueza, para a economia portuguesa. De uma forma geral, todo o congresso se centrou essencialmente nos aspectos associados aos portos e, em muito menor grau, nos problemas com que se debate a marinha mercante nacional.

Alguns participantes, mais ligados aos armadores e à indústria naval, afloraram a importância futura do transporte marítimo para as exportações portuguesas, no contexto das crescentes dificuldades e custos em fazer circular milhares de camiões portugueses nas estradas europeias (sobretudo na passagem obrigatória em Espanha e França). Aqui, os programas europeus de promoção das Auto-Estradas dos Mar podem constituir uma significativa oportunidade para os armadores portugueses, que precisam no entanto de saber interessar os actuais intervenientes no transporte rodoviário. Durante este evento, e neste contexto, o grupo Soporcel-Portucel manifestou o seu interesse nas Auto-Estradas do Mar e o grupo Altri no desenvolvimento contínuo do porto da Figueira da Foz.

O congresso contou com as presenças do Presidente da República, Cavaco Silva, e do ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, António Mendonça. Este último começou por reconhecer que Portugal tem “um défice estrutural de capacidade de transporte marítimo que está em contradição com o seu potencial e vocação neste domínio. Foi um erro estratégico, que hoje estamos a pagar, o desinteresse que se manifestou ao longo das últimas décadas, na manutenção das nossas capacidades”. O ministro acrescentou que o transporte marítimo é o único modo que apresenta um saldo negativo na balança de transporte, da ordem dos 500 milhões de euros por ano, problema este que importa corrigir.

Prosseguiu dizendo que “o Governo está atento à importância que a marinha de comércio tem para o país e por isso tem vindo a apoiar os armadores nacionais com apoios ao nível estruturante, formação de praticantes e modernização tecnológica dos navios”. Foi também destacado que se têm verificado progressos interessantes no desenvolvimento de capacidades próprias no domínio do transporte marítimo, nomeadamente com a recente aquisição de um navio porta-contentores que será o maior de bandeira portuguesa na actualidade. O Engenheiro Frederico Spranger, em representação do Fórum Empresarial da Economia do Mar, destacou a importância das actividades de Construção e Manutenção Naval para a economia nacional e para as exportações.

Posted in english, General by 0 on 21 September 2010